• Herbig Soluções Financeiras

Dia das Mulheres e as Conquistas Financeiras Femininas!

Se existe uma data que é importante para nós essa data é o Dia das Mulheres. Junto dela comemoramos o nosso aniversário e claro, as conquistas de nossas clientes também.


Ficamos pensando por um bom tempo sobre o que falar nesse dia tão importante e achamos justo relembrarmos de algumas conquistas femininas financeiras que aconteceram ao longo dos anos para que pudéssemos estar aqui hoje exercendo as nossas profissões com maestria.


A emancipação feminina e a trajetória financeira no Brasil

No Brasil, nós temos algumas datas de extrema importância para a emancipação feminina, a entrada das mulheres no mercado de trabalho e a busca pela independência financeira.


Todas elas tiveram um impacto direto em como o nosso mundo funciona hoje, e como nós podemos correr atrás dos nossos sonhos também.


1880 direito de cursar a faculdade

Em um país machista e colonial como o Brasil, conquistar o direito de pisar em uma universidade e ser educada, era uma mudança drástica para todas nós. Hoje, de acordo com pesquisas e dados divulgados pelo INEP (Instituto Nacional de Estudos

e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), relata que a presença feminina em cursos superiores, ultrapassa a presença masculina.


Ainda assim, por mais que tenhamos mais mulheres se formando e estudando, as possibilidades para conseguirmos empregos se dá menor do que para os homens.


1932 Direito ao voto

O voto é uma das formas mais ativas de se fazer a democracia funcionar, e para as mulheres alfabetizadas, na época a maioria eram de famílias brancas e com dinheiro, esse direito foi conquistado pelo Decreto Lei do Presidente Getúlio Vargas.


Achamos importante citar o fato de serem as pessoas alfabetizadas que possuíam esse direito, porque nem todas as mulheres, de classes sociais diferentes possuíam acesso à educação, e isso impacta a nossa sociedade até hoje, principalmente com relação às nossas desigualdades sociais.


1945 Carta das nações unidas - direito à igualdade de gênero

Em um mundo que vivenciava a segunda guerra mundial, uma conquista como essa representava uma grande quebra de paradigmas. As mulheres representam metade da população mundial e uma grande parcela do PIB brasileiro.


Ainda assim, não são todos os países que possuem plena igualdade nos direitos e nem no tratamento das mulheres. A ONU Mulheres declarou que possuímos um grande percurso pela frente para atingir a plena igualdade de gênero. E é nosso papel continuar, apenas continuar existindo, se posicionando e ocupando todos os lugares que nos é de direito.


1962 Direito ao próprio CPF

Entre todas as conquistas já citadas, essa é com certeza a mais importante para o nosso início no mundo financeiro e na busca pela nossa independência: a conquista ao próprio CPF e dessa forma a conta bancária.


Hoje, nós não conseguimos fazer quase nada sem um CPF próprio, e naquela época, tudo o que nos era de direito, precisava ser concedida a permissão de nossos pais ou maridos para qualquer atividade.


Seja viajar, ou ter alguma conta bancária, nós acreditamos que essa conquista tardia, porém necessária, é um dos grandes motivos da nossa relação com o dinheiro ser tão distante até hoje.


O que nos sempre foi de direito, muitas vezes, inclusive até hoje, é colocado como algo não feminino… algo que deveria ser coordenado e comandado pelos homens da casa. Mas por sorte, tomamos consciência e vamos mudando isso pouco a pouco. E claro, não estamos sozinhas, por isso, gostaríamos de falar sobre algumas mulheres que têm trilhado um caminho de muita importância para a aproximação feminina do mundo das finanças.


Nath Finanças

A Nath Finanças, se você ainda não a conhece, saiba que somos fãs! Ela realiza um trabalho de educação financeira para a galera da periferia. ~ se isso não representar muito bem os interesses dos brasileiros, a gente não sabe o que é. ~


Ela já saiu na Forbes Under 30 e hoje é um exemplo de como falar sobre finanças de uma forma acessível e descomplicada.


Nathalia Arcuri

Nathalia também, a Nath Arcuri foi uma das pioneiras aqui no Brasil a falar sobre finanças sendo mulher. Ela recebeu o título de mulher mais influente do Youtube e tem um bordão que a gente ama “desfudendo o Brasil desde 2015” ou seja, um propósito muito honesto e certeiro sobre como está a situação dos brasileiros em relação às próprias finanças.


Cristina Junqueira

Dona Cristina Junqueira, ícone que saiu da capa da Forbes Grávida e é CEO de uma das maiores fintechs brasileiras. Ela é CEO do nosso roxinho, Nubank, a nossa instituição financeira favorita aqui na Herbig.


A gente não tem nem palavras para falar sobre a influência dessa mulher no mercado para todas nós. Só conseguimos agradecer pela sua existência e pela persistência em ocupar esse lugar que lhe é de direito!


Rafize da Badass

Não poderíamos deixar de falar da Rafize, nossa parceira mais querida!


A Rafi acompanhou a nossa trajetória aqui na Badass desde o começo, ela ainda não saiu na Forbes, mas já possui um TEDx! Ou seja, ícone.


A Rafi possui uma missão e um serviço que é o de ajudar mulheres na busca por seu propósito de vida ou pelo propósito do seu empreendimento. Ela possui cursos e mentorias também, e construiu uma rede tão linda quanto a da Herbig nos últimos anos.


Rafi, você nos inspira.

Às nossas clientes, às nossas colaboradoras, à nossa comunidade, um GRANDE muito obrigada!

Sem vocês nada disso seria possível.


A Herbig já alcançou o marco de:

  • 200 clientes

  • 90 empresas

  • 2000 horas de consultoria


8 pessoas na equipe

6 formas de atender por mentoria

2 cursos no ar!


Tudo isso, porque trabalhamos com propósito, acreditamos no negócio de quem atendemos e claro, porque vocês também acreditam na gente.


FELIZ DIA DA MULHER PARA TODAS NÓS.


Um beijo e abraço de toda a equipe Herbig.